A JUBAN CB3

Coordernadores: Julio Cesar M. da Silva – j.c.m.s@hotmail.com

Joelma Marculino Ribeiro – joelma54@hotmail.com

Victor Hugo – Secretária: Nelisa –

O que é a JUBAN CB3

A JUVENTUDE BATISTA NACIONAL DO CASTELO BRANCO 3º representa a Juventude e os adolescentes da IGREJA BATISTA NACIONAL NO CASTELO BRNACO 3º. É um Ministério que trabalha diretamente com as questões referentes a juventude.

O que a JUBAN-CB3 se propõe a fazer:

Incentivar os adolescentes a buscarem mais de Deus, através de sua Palavra, ministrada de forma alegre, dinâmica e comprometida; Capacitar os adolescentes para serem futuros líderes, despertando neles um desejo de falar de Deus e compartilhar sua Palavra, de forma espontânea e natural, seja através do louvor, da dança, do teatro.

Objetivos:

•Serviço; •Discipulado; •Liderança; •Evangelismo;

•Comunhão; •Excelência; •Intercessão;•Louvor e adoração.

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

ESTATÍSTICAS SOBRE SEXUALIDADE



Fonte: http://www.atitude434.com

Passaram-se mais de vinte anos, mas ainda lembro perfeitamente. Foi num dos acampamentos da Juventude Batista Fluminense, no período de carnaval. Pr. Rodney Wofard era o conferencista. Maravilhoso, espiritual e profundo. Com seu jeito paternal, enfático e tranqüilo ele falava ao coração dos jovens.

Sua voz contundente ecoava no silêncio absoluto da capela:

- Moça, você é virgem, moça?

- Rapaz, você é virgem?

Pausa... Silêncio... Parecia que até mesmo era perigoso pensar, lembrar, se perguntar...

Fazem muitos anos. Não lembro a última vez que ouvi em alguma igreja uma mensagem de exortação aos jovens, aos homens, as mulheres, sobre a vontade de Deus para a vida sexual.

Espanta e entristece averiguar que os jovens e adolescentes estão cada vez mais iniciando a vida sexual antes do casamento. Os valores morais e os padrões não cristãos estão tomando conta. Silenciosamente eles se alastram, como erva daninha misturada ao joio.

Não temos estatísticas, e nem sei se seria bom ter, mas pelos contatos, pelos frutos de vida, pelas palavras ouvidas, pelos aconselhamentos dados sabemos que o número não é pequeno.

Lamentável porque estes jovens não fazem Deus sorrir.

Falta de informação, de temor a Deus, precipitação, baixa auto-estima, exploração da sexualidade pelos meios de comunicação, volubilidade, imaturidade e falta de diálogo, entre tantas outras causas, estão sendo fatores de facilitação ao pecado sexual dos jovens.

Sabemos que pecados sexuais cometidos pela juventude sempre existiram. Antigamente as igrejas puniam severamente os jovens cristãos por estes pecados. Hoje quase que ninguém mais fica sabendo deles, a não ser quando acontece uma gravidez. Hoje os corações e as mentes parecem estar mais amortecidos; parecem não sentir, não se arrepender...

O que fazer? Precisamos de mais vozes contundentes, penetrantes, questionadoras, influentes, como a do Pr. Rodney, juntando-se e elevando-se para que atinja o coração e a mente da nossa juventude.

Eles precisam saber o quanto uma vida sexual mal iniciada prejudica o casamento. O quanto a culpa e o remorso arruínam e corroem os relacionamentos conjugais. O quanto que desobedecer a Palavra de Deus trás conseqüências.

Conheci diversos casais carregando o peso dessa culpa, mesmo depois de ter se casado, mesmo depois de alguns anos de casamento. E, na maior parte das vezes, é a mulher que se ressente mais. Mesmo já tendo pedido perdão a Deus, elas não conseguem se perdoar. Sentimentos assim prejudicam a vida e o relacionamento sexual destas jovens, mesmo tendo se casado.

Exortar e abrir os olhos dos jovens sobre este assunto não é somente alertar e condenar o pecado; é essencial, é trabalhar com a prevenção de conflitos conjugais e de problemas no relacionamento sexual no casamento.

Vamos falar, vamos pregar, vamos exortar, vamos ajudar. Sem condenações, sem punições severas. Com amor, com paciência, com os braços abertos, prontos a perdoar e conversar. É assim que devemos estar com o objetivo de preparar nossos jovens para futuros casamentos saudáveis.

Que para tão grande e importante missão Deus nos abençoe.

Extraido: http://www.clickfamilia.org.br

Restituição: JOVENS NORTE-AMERICANOS QUEREM A VIRGINDADE DE VOLTA


ADOLESCENTES QUEREM SUA VIRGINDADE DE VOLTA
Dois terços dos adolescentes gostariam de ser virgens novamente, segundo uma pesquisa da OneHope, ministério jovem fundado em 1987 pelo missionário Bob Hoskins. Situado na Flórida, a OneHope calcula que já atingiu 700 milhões de jovens, em 125 países, através de revistas infantis, filmes, espetáculos musicais, aplicativos de smartphones, jogos interativos, entre outros meios de comunicação.
Segundo o ministério, foram entrevistados 5.108 jovens, com idade entre 13 e 18 anos e selecionados aleatoriamente. A pesquisa também levou em consideração a formação e a espiritualidade dos entrevistados. Os resultados divulgados são:
• 61% dos adolescentes gostaria de casar virgens
• 50% considera um casal (homem e mulher) como uma família, mesmo que não sejam casados.
• 82% acreditam que o plano de Deus era que o casamento durasse a vida toda
• 76% aprovam o divórcio quando há crianças envolvidas.
• 80% citam os pais como fonte de forte influência em seus pensamentos e ações
• Porém, 34% passam menos de 15 minutos por semana discutindo assuntos importantes com seus pais.
• 57% acreditam que apenas ser uma pessoa boa e fazer boas ações pode levá-los ao céu
• Ainda assim, 52% acreditam que desenvolvimento espiritual não é algo necessário para uma vida satisfatória.
• 65% acreditam que a verdade é relativa
• 69% assiste MTV toda semana
• “Existem muitas pesquisas a respeito dos jovens, mas quando nós ouvimos diretamente deles?” questiona Chad Causey, vice-presidente do ministério. “É por isso que a OneHope faz pesquisas ao redor do mundo, perguntando aos próprios jovens o que mais os influencia. Usamos essa pesquisa para entender melhor suas necessidades, conhecer o que os incomoda e proporcionar esperança através de experiências na mídia transmitindo o amor de Deus”.
• Eles também disponibilizam sua pesquisa gratuitamente para organizações sem fins lucrativos e governos de todo o mundo através do site • SpiritualStateoftheChildren. O estudo científico contém relatórios específicos das pesquisas realizadas em cada país, além de análises, fotos e outras informações sobre o condição espiritual de crianças e jovens. Já foram feitas pesquisas em 36 países, mas o Brasil ainda não participou. O material da OneHope já está disponível em português e pode ser recebido gratuitamente pelo site da missão AMME • evangelizabrasil
• Agência Pavanews, com informações de Orlando Sentinel e OneHope

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011